Comando para Ignorar Faixa de Opções
Ir para o conteúdo principal
SharePoint

Release

RGE investiu R$ 315 milhões em obras e manutenção da rede em 2015

Escrito por:

Assessoria de Imprensa   17/04/2016

Caxias do Sul, 18 de abril, 2016 – A Rio Grande Energia (RGE), distribuidora do Grupo CPFL Energia, investiu R$ 315 milhões, ao longo de 2015, em toda sua área de concessão, que abrange 54% da área territorial do Rio Grande do Sul. Do total de investimentos, 90% foram destinados exclusivamente à expansão, manutenção e modernização do sistema elétrico, o que reforça o compromisso da concessionária de ampliar, reforçar e qualificar o serviço de fornecimento de energia elétrica ano após ano.
Foram realizadas ações de recomposição da rede e substituição de ativos, envolvendo postes, transformadores, cabos e equipamentos para dar maior confiabilidade e qualidade no fornecimento de energia.
 
Em todo ano passado, foram construídos 391 km de redes de distribuição de energia e instalados mais 3.978 transformadores para atender as demandas dos clientes residenciais, comerciais e industriais da RGE. Com essas obras, a companhia alcançou a impressionante marca de 81.345 km de redes de distribuição e 100.930 transformadores próprios em sua área de concessão.
Os investimentos de 2015 destinaram-se também à instalação de redes elétricas para a ligação de novos clientes, incluindo a regularização de ligações por meio dos programas de Eficiência Energética da empresa. Entre janeiro e dezembro de 2015, foram ligados 29.955 novos consumidores à rede.
 
Parte dos recursos aplicados nas 264 cidades onde a concessionária está presente reflete a preocupação da RGE com o futuro e a qualidade no abastecimento de energia as novas gerações e o desenvolvimento econômico do Estado. Com obras estruturais da rede de médio e grande porte, realizadas ao longo de meses, a RGE ampliou sua capacidade energética em 2015, de tal forma que nenhum empreendimento industrial ou comercial deixará a área de concessão por falta de infraestrutura elétrica.
Entre as principais obras estruturais da companhia que foram concluídas em 2015 estão a Subestação Roque Gonzales e a Linha de Transmissão de 138 mil Volts Lajeado Grande – Vacaria.
 
Em Roque Gonzales, município da Região Missões, a nova subestação, concluída primeiro trimestre do ano, é o resultado de um investimento total de R$ 19 milhões feito ao longo de dois anos. A nova subestação beneficia mais de 30 mil habitantes nos municípios de Roque Gonzales, Dezesseis de Novembro, Porto Xavier, São Nicolau e Pirapó.
 
Já a Linha de Transmissão entre o distrito de Lajeado Grande, em São Francisco de Paula, e Vacaria, ampliou em 71 km a malha de linhas de transmissão  da RGE e aumentou em 15 MVA a capacidade de transformação instalada. A obra trouxe maior segurança na operação e potencial de fornecimento de energia aos clientes da RGE.
 
A Linha de Transmissão de 138.000 Volts interliga o sistema elétrico da RGE com uma Subestação de Rede Básica, trazendo maior confiabilidade e capacidade de abastecimento de energia elétrica a toda a região de Vacaria. Para a realização da obra foram investidos R$ 20 milhões no decorrer de três anos.
 
Segundo um cronograma estratégico de investimento e ampliação da capacidade energética, a RGE tem um conjunto de obras em andamento que beneficiará diretamente mais de 1 milhão de gaúchos. Entre as obras estruturais em andamento e também previstas para os próximos 2 anos estão a construção de seis novas Linhas de Transmissão e 10 novas Subestações que terão impacto na vida de moradores de mais de 50 municípios da área de concessão.
 
Mesmo em um ano de crise econômica e complicado para o setor energético de todo o país, os investimentos da RGE em 2015 reafirmam seu comprometimento com o Rio Grande do Sul e as 264 cidades onde está presente. Se somado os recursos aplicados entre 2013 e 2015 a concessionária injetou mais de R$ 790 milhões na sua área de concessão. Para 2016, inicialmente estão previstos investimentos da ordem de R$ 330 milhões.
Tags:
    rge; investimentos; 2015; energia elétrica; área de concessão; rio grande do sul