Comando para Ignorar Faixa de Opções
Ir para o conteúdo principal
SharePoint

Release

RGE investe R$ 136 mil na regularização de consumidores em duas cidades

Escrito por:

Assessoria de Imprensa   11/01/2016

​Caxias do Sul, 12 de janeiro de 2016 - A Rio Grande Energia, empresa do Grupo CPFL Energia, iniciou, neste mês de janeiro de 2016, a regularização de 80 clientes nos municípios de Ronda Alta e Trindade do Sul. No total, serão investidos R$ 136 mil nas regularizações que vão beneficiar 40 famílias em cada uma das cidades. O projeto, uma iniciativa do Programa de Eficiência Energética da RGE, fornece a entrada de energia, garantindo um fornecimento de eletricidade de qualidade e com segurança a toda população. 

O programa, no entanto, não se resume à regularização da ligação das moradias. O processo começa com a construção de um relacionamento entre a concessionária e a comunidade. O coordenador de Eficiência Energética da RGE, Odair Deters, destaca que o primeiro passo é detalhar quais serão as mudanças na região e sua importância para os moradores. Somente após essa etapa de estreitamento na relação com a comunidade é que a tecnologia de rede com o cabo concêntrico e medidor antifraude são implantados. 

Com essa nova tecnologia, a energia chega às residências com mais qualidade e torna todo o sistema mais confiável para quem vive no loteamento. Esse novo modelo também é uma forma de garantir a segurança da população, pois limita as intervenções na rede, evitando os acidentes com ligações clandestinas. Além disso, o projeto busca evitar sobrecargas na rede elétrica, o que beneficia todos os consumidores atendidos pela RGE nos municípios contemplados pelo programa. 

Após a chegada do projeto, Deters explica que a RGE desenvolve uma ação de conscientização da comunidade sobre os benefícios de se ter um sistema elétrico com mais qualidade e legalizado. “Asseguramos que as famílias tenham acesso à energia de qualidade e com segurança, além de garantir cidadania aos novos clientes. Com a energia regularizada, eles passam a contar com uma fatura que comprove seu endereço, podendo inclusive buscar opções de crédito e crediário em outras instituições”, ressalta Deters. 

Em 2015, a concessionária regularizou 900 consumidores e pretende legalizar outras 500 residências em sua área de concessão ao longo de 2016. Podem ser regularizadas pela RGE as residências que possuem viabilidade técnica e seus consumidores estejam inscritos em programas assistenciais do Governo Federal, com o Cadastro Único ativo, mesmo processo que garante o desconto da Tarifa Social na fatura de energia. O projeto exclui os locais que estejam em áreas de proteção ambiental ou em áreas invadidas não legalizadas pelas Prefeituras.

Sobre o Programa de Eficiência Energética

O projeto faz parte do Programa de Eficiência Energética da Rio Grande Energia (PEE - RGE), existente há 15 anos e elaborado de acordo com as regulamentações do Programa de Eficiência Energética da Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL). O PEE-RGE tem como objetivo combater o desperdício de energia elétrica, a partir de ações como a substituição de equipamentos ineficientes, a doação de lâmpadas, a adequação da entrada de energia de consumidores irregulares, além de diversos outros atos. 

Com um investimento de mais de R$ 145 milhões em 79 projetos realizados, o resultado foi de uma demanda evitada de 82.976 kW e de energia conservada de 280.030 GWh/ano. 

Tags:
    rge; investimento; regularização; energia elétrica; rio grande do sul; ronda alta; trindade do sul