Comando para Ignorar Faixa de Opções
Ir para o conteúdo principal
SharePoint

Release

RGE investe R$ 27,7 milhões no Vale dos Vinhedos

Escrito por:

Assessoria de Imprensa   13/05/2018

Bento Gonçalves, 04 de maio de 2018 – Os clientes da Rio Grande Energia (RGE) de 12 municípios do Vale dos Vinhedos tiveram importantes obras na sua rede elétrica em 2017. A distribuidora do Grupo CPFL investiu, nessas cidades, R$ 27,7 milhões que fazem parte do Plano de Manutenção e Expansão da empresa. As ações servem para fortalecer e modernizar diversos componentes da rede de distribuição de energia e se traduzem em um fornecimento ainda melhor aos clientes.
 
Somente em Bento Gonçalves, município que sedia uma Estação Avançada da RGE, o investimento chegou a R$ 6,7 milhões. Predominaram as obras de troca de postes, instalação de religadores automáticos e reguladores de tensão, expansão de rede para ligações de novos clientes e fortalecimento das subestações para melhor atender a demanda de energia. 
 
Outros municípios da região também tivera aportes financeiros vultuosos, permitindo diversas obras na rede. É o caso de Farroupilha e Carlos Barbosa que contaram, respectivamente, com investimentos de R$ 5,9 milhões e R$ 2,9 milhões. Nesses municípios, também as obras de troca de postes de madeira por concreto e a instalação de novos equipamentos, como os religadores automáticos, se sobressaíram.
 
Segundo o Consultor de Negócios da RGE, Rafael Dala Brida, o Vale dos Vinhedos tem peculiaridades de perfil econômico que exigem uma rede elétrica robusta e moderna. Ele afirma que as obras executadas pela distribuidora em 2017 aumentam a confiabilidade do sistema nessas cidades. “Os 12 municípios que, para a RGE, compõem o Vale dos Vinhedos tiveram obras muito importantes executadas no ano passado. Outras tantas serão feitas neste ano”, ressata Dala Brida.
 
Em 2017, a RGE investiu R$ 391,1 milhões no fortalecimento, modernização e ampliação de suas redes de distribuição e fontes de energia. O valor representa uma elevação de 28,1% na comparação ao ano anterior.

Tags:
    rge; investimento; rede elétrica; bento gonçalves