Comando para Ignorar Faixa de Opções
Ir para o conteúdo principal
SharePoint

Release

RGE investe R$ 5,7 milhões em obras de expansão e manutenção de rede em Passo Fundo

Escrito por:

Assessoria de Imprensa   21/02/2016

Passo Fundo, 22 de fevereiro de 2016 – A Rio Grande Energia (RGE), distribuidora do Grupo CPFL Energia, reafirmou seu compromisso com a comunidade de Passo Fundo em 2015. A cidade, que é uma das principais do Rio Grande do Sul e sede da regional Centro da concessionária, recebeu, entre janeiro e dezembro de 2015, R$ 5,7 milhões de investimentos na expansão e manutenção do sistema elétrico do local e, por consequência, de toda região. 

A RGE realizou uma série de obras que integram um cronograma de investimentos para ampliar e reforçar a rede elétrica na região, deixando o sistema elétrico menos vulnerável às adversidades climáticas que atingem a região com frequência e que no final de 2015 tiveram incidência acima da média histórica do Rio Grande do Sul. 

Entre as obras principais executavas em Passo Fundo esteve a substituição de postes de madeira por de concreto. No ano passado, foram trocados 326 postes. Além disso, outros 738 novos postes de concretos foram colocados, ampliando a extensão da rede elétrica local e levando energia para os pontos mais distantes do centro urbano e também para alimentar novas áreas da expansão urbana. 

Na área central de Passo Fundo, por exemplo, 82 postes de madeira foram trocados e 1,5 quilômetros de cabos foram substituídos por um equipamento mais confiável e é mais resistente a objetos lançados na rede. Somente nesta obra, a distribuidora destinou cerca de R$ 400 mil. 

No bairro Vera Cruz, foram investidos outros R$ 95 mil para beneficiar 172 clientes com a substituição de postes e a instalação de transformadores, o que ampliou a capacidade energética de todo o bairro. No total, em todo município, entre janeiro e dezembro do ano passado, foram instalados 112 novos transformadores para dar mais qualidade ao abastecimento de energia elétrica da cidade. 

Passo fundo também foi umas das cidades contempladas com o Programa de Eficiência Energética da RGE, que beneficia comunidades carentes. Em outubro de 2015, 1795 clientes foram visitados e receberam 7180 lâmpadas LED, que são mais eficientes e barateiam a conta de energia. Para o primeiro semestre do próximo ano, já está programado a regularização de 130 consumidores, o que terá um investimento superior a R$ 216 mil por parte da concessionária. 

Índices de qualidade no fornecimento de energia elétrica

Fruto dos investimentos em todas as cidades de sua área de atuação, a RGE possui o menor índice de duração (DEC) e frequência (FEC) de interrupções de fornecimento de energia do Rio Grande do Sul entre as grandes distribuidoras, segundo o ranking da Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL). O DEC, índice que representa a média do tempo que o cliente da RGE ficou sem energia durante o período de um ano, foi 15,98 horas em 2015, enquanto o FEC, índice que mede a frequência de interrupções no fornecimento, em média, por cliente, foi de 8,33 vezes em 2015. 

É importante destacar que cerca de 2/3 do tempo em que falta energia corresponde a interrupções emergenciais, provocadas por fatores externos ao sistema elétrico, como os temporais (com quedas de árvores), colisões de veículos contra postes e objetos que atingem a rede – pipas, balões e galhos de árvores, além de furtos de cabos. O outro terço corresponde a desligamentos programados, informados previamente aos clientes, e organizados para que a empresa possa executar obras de melhoria na rede elétrica. O desabastecimento causado por fatores externos é inerente ao modelo de rede elétrica existente no Brasil. 

Tags:
    rge; investimentos; passo fundo; 2015