Comando para Ignorar Faixa de Opções
Ir para o conteúdo principal
SharePoint

Release

RGE investe R$ 695 mil e cria alternativas de fornecimento de energia para Fagundes Varela

Escrito por:

Assessoria de Imprensa   24/05/2017

Fagundes Varela, 25 de maio de 2017 – A Rio Grande Energia (RGE) concluiu uma obra de modernização da rede de distribuição de energia elétrica do município de Fagundes Varela que vai transformar a realidade dos 1,2 mil clientes da cidade localizada na Serra Gaúcha. Por meio de um robusto projeto desenvolvido ao longo dos últimos três anos a concessionária conseguiu erradicar uma limitação no abastecimento e criar alternativas de manobras para o fornecimento de energia a determinados pontos do município por caminhos alternativos.

O projeto desenvolvido pela Gerência de Serviços de Rede Leste da companhia teve investimento de R$ 695 mil e seu escopo contemplou a substituição de mais de 200 postes e a construção de 500 metros de rede nova. Isso aconteceu para criar duas alternativas de alimentação na área urbana da cidade.

Até a conclusão da obra, a energia elétrica chegava a Fagundes Varela de uma fonte em Veranópolis e outra em Nova Prata. As duas se interligavam na entrada da área urbana e formavam uma única fonte de alimentação para distribuir energia para toda cidade. No caso de alguma contingência como a queda de um poste devido a um acidente de trânsito ou às intempéries, por exemplo, a área urbana e rural eram afetadas por desligamentos pela ausência de possibilidade de manobras.

Com a obra, a área urbana da cidade ganhou duas opções de manobras, possibilitando que o Centro de Operações Integrado (COI) e equipes de campo realizem transferências de carga afetando um número reduzido de clientes e gerando menos impacto, especialmente na zona rural, comércio e área industrial da cidade.

Somente no primeiro trimestre de 2017, a RGE investiu R$ 75,3 milhões em sua área de concessão. O valor aplicado em obras de expansão, manutenção e modernização da rede elétrica é 30,5% superior ao destinado pela companhia em 2016, no mesmo período.
Tags:
    rge; investimento; rede elétrica; fagundes varela; obras; rio grande do sul