Comando para Ignorar Faixa de Opções
Ir para o conteúdo principal
SharePoint

Release

Projeto da RGE melhora a qualidade de vida de moradores de comunidades carentes

Escrito por:

Assessoria Imprensa   23/06/2016

Santo Ângelo, 24 de junho – Os investimentos da Rio Grande Energia (RGE), distribuidora do Grupo CPFL, por meio do Programa de Eficiência Energética, mudaram a realidade de 1,3 mil famílias carentes de Santo Ângelo. A concessionária fez a doação e instalação de chuveiros inteligentes para consumidores cadastrados com na tarifa social e, durante a pesquisa de satisfação do programa, realizada pelos agentes comunitários, foi surpreendida por uma história de gratidão.

Uma das vidas que foi transformada pela ação, que faz parte do Programa Comunidades Eficientes, foi a da estudante Karoline Moura, 16 anos. Moradora de Santo Ângelo, aos dois anos de idade, a jovem foi diagnosticada com atrofia óssea e, em 2011, com fibromialgia – síndrome que provoca fortes dores musculares. Karoline já fez nove cirurgias para conseguir caminhar, mas se locomove com dificuldade depois de parte da vida em uma cadeira de rodas. Desde a instalação do chuveiro inteligente, que uso calor banho utilizada no banho para aquecer água que entra no chuveiro, a vida da jovem  melhorou. 

De acordo com a sua mãe, Morgana Moura, ela nunca havia encontrado um meio eficaz de manter os pés da filha aquecidos no inverno durante o banho. Isso fazia a adolescente sentisse muita dor. “Após a instalação do recuperador de calor, minha filha disse que este foi o melhor tratamento recebido, mesmo sem saber que se tratava de um programa de eficiência energética. A plataforma do equipamento ajuda a manter o aquecimento dos pés”, descreve Morgana.

Durante a visita dos agentes comunitários, a estudante fez questão de escrever uma carta para agradecer a concessionária. “Se a instalação do equipamento trouxe benefícios durante o verão, no inverno então foi muito melhor.  O banho era um momento difícil, pois como a água não era tão quente e não existia uma plataforma, meu corpo e, principalmente, meus pés ficavam gelados, me fazendo sentir fortes dores, especialmente no quadril.  Cheguei a comentar com algumas pessoas que também ganharam este chuveiro, mas nenhuma delas entendeu a dimensão do bem que ele fez para nós. Sou eternamente agradecida”, diz Karoline.
Economia e consciência energética.

Segundo o coordenador do Programa de Eficiência Energética da RGE, Odair Deters, o chuveiro elétrico é responsável, em média, por 35% da conta de energia. “A alternativa para economizar sob este aspecto é a instalação de recuperadores de calor de banho. De funcionamento simples, eles reaproveitam a energia térmica gerando uma economia estimada de até 50% em horário de pico, entre 19h e 20h”, explica. A RGE realizou a instalação em mais de 1,3 mil casas do município de Santo Ângelo, aproximadamente 70% dos clientes cadastrados no programa Tarifa Social.

Equipados com trocadores de energia térmica, os novos chuveiros elétricos possuem um sistema de funcionamento simples, com o reaproveitamento de energia térmica. O funcionamento é simples. “No momento do banho, a água da caixa ou da rede, por meio de conexões especiais, é conduzida até a plataforma e passa por dentro do trocador de calor e ao acionar o chuveiro eficiente necessita-se de uma potência menor para atingir a temperatura ideal para o banho”, explica o coordenador do programa.

Além de diminuir a potência que o chuveiro elétrico utilizava para aquecer a água, o projeto estimula a consciência energética da população. “Em tempos de escassez de recursos hídricos no Brasil, o combate ao desperdício de energia elétrica e a preservação dos recursos naturais é um compromisso da RGE”, garante Deters.

Pesquisas de satisfação

Em quatro pesquisas de satisfação de consumidores beneficiados por programas de eficiência energética já finalizados, o índice de satisfação dos mesmos em relação aos serviços disponibilizados chegou a aproximadamente 99%, com quase 80% dos clientes percebendo diminuição dos valores nas contas de luz. “Nossa ação, além de gerar faturas de menor valor às famílias, contribuindo para a redução dos níveis de inadimplência, tem caráter educacional, com dicas de consumo de energia e segurança através dos técnicos que visitam as comunidades”, destaca Odair Deters.
Tags:
    rge; eficiência energética; investimento; santo ângelo; rio grande do sul