Comando para Ignorar Faixa de Opções
Ir para o conteúdo principal
SharePoint

Release

Debate com Marcelo Rubens Paiva abre ciclo sobre cinema pop no Instituto CPFL

Escrito por:

Assessoria de Imprensa   03/08/2017

Campinas, 02 de agosto de 2017 - Em agosto, a Mostra Cinema e Reflexão do Cine CPFL, uma parceria entre a Associação do Audiovisual e o Instituto CPFL, promove em Campinas um ciclo temático sobre “Cinema Pop”, com a curadoria de Francisco Cesar Filho e Jurandir Müller. As exibições, todas gratuitas, acontecem na Sala Umuarama do Instituto CPFL, com retirada de ingresso 1 hora antes de cada sessão, por ordem de chegada. 

Na primeira sessão, na quarta-feira 09/08, às 19h, será exibido o filme “Árido Movie” (Brasil, 2005, 118 min, 16 anos), seguido de um debate com o diretor Lírio Ferreira e o escritor Marcelo Rubens Paiva, autor de “Feliz ano velho”.

O filme, que tem no elenco nomes como Guilherme Weber, Giulia Gam, Selton Mello, Matheus Nachtergaele, Paulo César Pereio e José Celso Martinez Corrêa, conta a história de um repórter do tempo em uma emissora de TV que retorna à sua terra natal, no interior do Nordeste, após o assassinato de seu pai. Ele enfrenta problemas para chegar à cidade, até que recebe carona de uma videomaker que está fazendo um documentário sobre a água no sertão. 

Ao chegar, encontra uma parte da família que não conhecia até então, e ela lhe cobra que se vingue da morte do pai. O longa foi selecionado para o Festival de Veneza e venceu os prêmios de melhor filme, melhor direção, melhor ator coadjuvante, melhor fotografia, melhor edição e prêmio da crítica no festival Cine PE, além de melhor direção no Festival do Cinema Brasileiro de Miami e do Prêmio APCA de melhor montagem (confira o trailer: https://youtu.be/uSfySvVWx64).

Ao longo do mês, o Cine CPFL exibirá ainda títulos de diretores consagrados como Alejandro González Iñarritu, Francis Ford Coppola, Michelangelo Antonioni e Quentin Tarantino.

Ao fim do ciclo acontece a Sessão do Realizador na quinta-feira, 31/08, às 19h, com a pré-estreia de “Música pelos poros” (Brasil, 2017, 52 min, 12 anos) e a presença do diretor Marcelo Machado e do músico Benjamim Taunkin.
 
Confira a programação completa:

9/8 | qua | 19h | sessão debate
exibição de árido movie e debate pós sessão com o diretor lírio ferreira e o escritor marcelo rubens paiva
árido movie, de lírio ferreira | brasil, 2005, 118 min, 16 anos
repórter do tempo de emissora de tv retorna à sua terra natal, no interior do nordeste, devido ao assassinato de seu pai. mais informações.
__
10/8 | qui | 19h
birdman ou (a inesperada virtude da ignorância), de alejandro gonzález iñarritu | birdman (or the unexpected virtue of ignorance), eua, 2014, 119 min, 16 anos
por mais de 20 anos, um ator foi conhecido por interpretar birdman, um super-herói que se tornou um ícone cultural. entretanto, ao recusar-se a gravar o quarto filme com o mesmo personagem, sua carreira começa a decair. mais informações.
__
16/8 | qua | 19h
boogie nights: prazeres sem limites, de paul thomas anderson | boogie nights, eua, 1997, 153 min, 18 anos
um jovem de 17 anos, sexualmente bem-dotado, é descoberto por um diretor veterano que o transforma em uma celebridade da subcultura do mundo pornô no apogeu dos anos 1970. mais informações.
__
17/8 | qui | 19h
jackie brown, de quentin tarantino | jackie brown, eua, 1997, 154 min, 18 anos
comissária de bordo trafica dinheiro para os estados unidos, a mando de um vendedor de armas. quando dois policiais oferecem um acordo para que ela entregue o bandido, a mulher decide enganar em todos os envolvidos. mais informações.
__
23/8 | qua | 19h
o selvagem da motocicleta, de francis ford coppola | rumble fish, eua, 1993, 94 min, 16 anos
em uma pequena e decadente cidade industrial norte-americana, o líder de uma pequena gangue vive na sombra de seu ausente irmão mais velho, o motoqueiro. sua mãe partiu, seu pai bebe, a escola não tem nenhum significado e suas relações são superficiais. mais informações.
__
24/8 | qui | 19h
blow-up: depois daquele beijo, de michelangelo antonioni | blow-up, reino unido/itália/eua, 1966, 111 min, 14 anos
fotógrafo de moda que não suporta mais o mundo, vê um casal à distância e resolve fotografá-lo. ao vê-lo, a mulher corre ao seu encontro, pedindo que lhe entregue os negativos das fotos. mais informações.
__
30/8 | qua | 19h
fervura máxima, de john woo | gard boiled, hong kong, 1992, 128 min, 14 anos
em hong kong, um inspetor de polícia fica transtornado quando seu parceiro morre em um tiroteio com gângsters em uma casa de chá. mais informações.
__
31/8 | qui | 19h | sessão do realizador
pré-estreia de música pelos poros, com presença do diretor marcelo machado e do músico benjamim taunkin
música pelos poros, de marcelo machado | brasil, 2017, 52 min, 12 anos / sessão com conteúdo acessível (audiodescrição, legenda descritiva e libras)

em julho de 2015, um incrível elenco de músicos com trânsito no jazz, música instrumental, tradicional e canção reuniu-se por uma semana em uma fazenda do interior de são paulo, no festival artes serrinha, e ganhou registro neste documentário musical. mais informações.
 
Saiba mais em http://bit.ly/2u00LNe​

Tags:
    Instituto CPFL; Mostra Cinema e Reflexão; Cine CPFL; cultura; CPFL Energia