Comando para Ignorar Faixa de Opções
Ir para o conteúdo principal
SharePoint

Release

CPFL Santa Cruz investe R$ 125 mil em projeto de Eficiência Energética em escola estadual de Taquarituba

Escrito por:

Assessoria de Imprensa   30/10/2017


Taquarituba, 31 de outubro de 2017 – A CPFL Santa Cruz, distribuidora da CPFL Energia que atende a aproximadamente 212 mil clientes em 24 municípios no interior de São Paulo e em três municípios do Paraná, lança hoje (31) o projeto de eficiência energética na Escola Estadual Prof. Dimas Mozart e Silva, na cidade de Taquarituba (SP), com instalação de sistema fotovoltaico e de iluminação LED nas dependências da instituição. O projeto é uma parceria com a Secretaria de Mineração e Energia e a Secretaria de Educação do governo de São Paulo.

Com investimento de R$ 125 mil, a expectativa é que o projeto traga uma economia de 85% no volume de energia consumido, reduzindo a conta de luz da escola. Isto significa que deverão deixar de ser consumidos cerca de 1,525 mil kWh do total de 1,765 mil kWh por mês. O volume economizado seria suficiente para abastecer oito famílias com consumo mensal de 200 kWh.

A iniciativa consiste na implantação de uma usina solar fotovoltaica, com capacidade instalada de 15 kWp, e na troca de toda a iluminação da escola para tecnologia LED, totalizando 290 pontos. A expectativa é que estas ações estejam concluídas até o final do primeiro trimestre de 2018. Com sua implantação, o projeto irá beneficiar diretamente 456 alunos e 51 educadores e colaboradores da escola, promovendo e disseminando o consumo consciente de energia elétrica entre os estudantes, pais e professores.

O projeto de eficiência energética da escola foi vencedor, em 2016, da etapa nacional do prêmio Zayed de Energia do Futuro na categoria Escolas Secundárias Globais, promovido pelo governo dos Emirados Árabes Unidos. Com a conquista, a escola credenciou-se para disputar a final com outros três países em janeiro deste ano em Abu Dhabi, capital dos Emirados Árabes Unidos. Na ocasião, o projeto brasileiro ficou em terceiro lugar. 

Elaborado por alunos e professores da instituição, o projeto será financiado pelo Programa de Eficiência Energética da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) e executado pela CPFL Santa Cruz. Além de promover a cultura do consumo consciente, o projeto também reforça o compromisso da distribuidora com o desenvolvimento regional de sua área de concessão.

“Mais do que promover ações de melhoria na escola Prof. Dimas Mozart e Silva, esperamos incentivar outras escolas do Estado de São Paulo a buscarem soluções que, além de gerar economia de custos, irão colaborar para um mundo mais limpo e sustentável no futuro”, ressalta o presidente da CPFL Santa Cruz, Marco Antônio Villela. Além dos benefícios econômicos e energéticos, a estimativa é que o projeto evite a emissão de aproximadamente sete toneladas de CO2 na atmosfera.

O lançamento do projeto ocorreu em evento realizado hoje, na sede da CPFL Energia, em Campinas (SP). A cerimônia contou com a participação da vice-presidente de Operações de Mercado da CPFL Energia, Karin Luchesi, do presidente da CPFL Santa Cruz, Marco Antonio Villela, do secretário de Minas e Energia, João Carlos de Souza Meirelles, do secretário de Educação, José Renato Nalini, do Cônsul Geral dos Emirados Árabes Unidos em São Paulo, Ibrahim Salem Al Alalawi, além de representantes e alunos da escola.

Programa de Eficiência Energética

O programa de Eficiência Energética das distribuidoras da CPFL Energia é desenvolvido pelo Grupo desde 1998 e tem como objetivos preservar os recursos naturais e promover educação para o uso racional de energia elétrica, evitando o desperdício. Os recursos do programa provêm do valor arrecadado nas contas de luz. Essa verba volta para a sociedade por meio de projetos que buscam tornar mais consciente a relação das pessoas com a energia elétrica, promovendo seu uso de forma mais responsável.

Tags:
    CPFL Santa Cruz; Eificiência Energética; CPFL Energia; Escola Estadual Prof. Dimas Mozart e Silva; LED; geração solar; sustentabilidade