Comando para Ignorar Faixa de Opções
Ir para o conteúdo principal
SharePoint

Release

RGE investe R$ 14,8 milhões em Subestação e Linha de Transmissão em Paraí

Escrito por:

Comunicação RGE    02/07/2013

​A Rio Grande Energia RGE, que atende a 264 municípios no norte, nordeste, noroeste do Rio Grande do Sul e Região Metropolitana de Porto Alegre, colocou em funcionamento hoje, 02 de julho, a Subestação (SE) Paraí, que conta com potência de 20 MVA bem como a Linha de Transmissão (LT) de 138kV que liga Paraí ao município de Casca. A partir de agora, a iniciativa é responsável pelo abastecimento de energia elétrica a 14,8 mil clientes na região dos municípios de Paraí, Nova Bassano, Nova Araçá, São Jorge, Guabiju e Ibiraiaras.
O diretor-presidente da RGE, Ricardo Siufi, ressaltou a tecnologia da nova subestação e disse que esse é um presente para o município de Paraí, que faz aniversário na próxima semana. "Hoje estamos entregando para a cidade o que há de mais moderno no Brasil. A nova subestação permitirá o fornecimento de energia de qualidade e eficiente para alavancar o crescimento dos municípios da região", afirmou. Durante a solenidade, o prefeito de Paraí, Jeremias Trevisan, agradeceu à RGE pelo investimento e aos trabalhadores da região pelo empenho. "Sabemos que o município merecia essa obra, por isso todos estão de parabéns", finalizou.
A ação é resultante de um investimento de R$ 7 milhões específicos para a subestação e R$ 7,8 milhões para a linha de transmissão, aumentando a capilaridade da rede de distribuição e praticamente duplicando a potência instalada da região, a fim de possibilitar que o sistema atual suporte toda a demanda de energia nos próximos anos. As novas estruturas também permitirão a liberação de carga para as Subestações de Casca e Nova Prata, possibilitando a distribuição de energia para os municípios de Casca, Serafina Corrêa, São Domingos do Sul, Vanini, David Canabarro, Santo Antonio do Palma, Nova Prata, Protásio Alves e André da Rocha.
De acordo com o diretor-presidente da RGE, Ricardo Siufi, a SE Paraí e a LT Paraí X Casca entram em funcionamento para atender, de forma qualificada, ao crescimento econômico da região e o aumento da demanda por energia para consumo residencial e atividades empresariais e rurais "Este desenvolvimento necessita ser sustentado por uma distribuição de energia mais eficiente e robusta, para que seja possível administrar o uso da energia de forma mais frequente e intensa por nossos consumidores residenciais e industriais nos âmbitos urbano e rural na Região da encosta Superior do Nordeste", afirmou.
Investimentos em Paraí e na área de concessão da RGE
Os investimentos da RGE realizados em Paraí vem sendo direcionados para ações de expansão e manutenção da rede, troca de postes, instalação de equipamentos especiais como transformadores e religadores, aumentando a capacidade e dando mais robustez e qualidade ao sistema elétrico do município.
A SE Paraí e LT Paraí x Casca também fazem parte do cronograma de investimentos da RGE em toda a sua área de concessão até 2014, destinados à expansão, manutenção e modernização da rede de distribuição da concessionária. Especificamente para a região da Encosta Superior do Nordeste, no qual estão incluídos Paraí, Nova Bassano, Nova Araçá, São Jorge e Guabiju, os investimentos somam aproximadamente R$ 16,5 milhões para atender exclusivamente ao meio rural.
Índices de qualidade
Os investimentos realizados pela RGE em sua área de concessão ao longo dos anos têm reflexo direto na qualidade do serviço prestado aos clientes. Na RGE, os indicadores de qualidade ficaram melhores que a média do setor elétrico brasileiro.
Sobre a RGE
A Rio Grande Energia (RGE) é a distribuidora de energia elétrica da região norte-nordeste do Estado do Rio Grande do Sul. Originada do modelo de concessão pública para distribuição de energia elétrica em 21 de outubro de 1997, a empresa atende 264 municípios gaúchos, o que representa 54% do total de municípios do Estado. A área de cobertura da RGE divide-se em duas grandes regionais: a Centro, com sede em Passo Fundo, e a Leste, com sede em Caxias do Sul. São 90.718 km² - 34% do território do Estado. Agrupadas, essas regiões apresentam um dos melhores índices sociais e econômicos do Brasil e também são as responsáveis pelo maior pólo agrícola, pecuário, industrial e turístico do estado. A RGE orienta-se pela Gestão de Qualidade Total para atingir, cada vez mais, altos níveis de eficiência para seus consumidores sendo parceira dos municípios gaúchos no desenvolvimento econômico do RS dentro de sua área de concessão. Desde 2006 a RGE passou a fazer parte integralmente do grupo CPFL Energia, o maior grupo privado do setor elétrico brasileiro.

Tags: