Comando para Ignorar Faixa de Opções
Ir para o conteúdo principal
SharePoint

Release

CPFL Energia é medalha de ouro pelo GHG Protocol

Escrito por:

Comunicação RGE    30/09/2012

Empresa foi reconhecida pelo gerenciamento de emissões de Gases de Efeito Estufa (GEE)

No mês de setembro, em evento anual, o GHG Protocol atribuiu medalha de ouro para a CPFL Energia, reconhecendo o posicionamento voluntário da empresa frente às Mudanças Climáticas, sua governança, e a confiabilidade e transparência das informações reportadas pela empresa. 

Programa que tem como objetivo a quantificação e o gerenciamento de emissões de Gases de Efeito Estufa (GEE), o GHG Protocol foi lançado nos Estados Unidos, em 1998, pelo World Resources Institute (WRI), sendo hoje a metodologia mais utilizada mundialmente pelo setor privado e por governos para a realização de inventários de emissões de GEE. Em 2008, a metodologia foi adaptada ao contexto nacional pelo Centro de Estudos em Sustentabilidade da Fundação Getúlio Vargas e pelo WRI, em parceria com o Ministério de Meio Ambiente, com o Conselho Empresarial Brasileiro para o Desenvolvimento Sustentável (CEBDS), com o World Business Council for Sustaina­ble Development (WBSCD) e empresas fundadoras.

Em 2011, o a empresa passou a utilizar essa ferramenta para quantificar suas emissões. Atualmente, o GHG Protocol conta com 93 empresas associadas com atuação no Brasil e, das 899.270.830 toneladas de CO2e apuradas pelo programa, menos de  0,02% (151.468 t CO2e) são de contribuição da CPFL Energia.

"Nos últimos quatro anos,  a CPFL definiu uma política clara em relação às Mudanças Climáticas, acompanhada pelo estabelecimento de uma estratégia bem definida de redução de emissões de GEE", comenta Rodolfo Nardez Sirol, diretor de Meio Ambiente da CPFL Energia. Estão contempladas nessa estratégia indicadores de desempenho e gestão, com metas de redução; nove projetos de Mecanismo de Desenvolvimento Limpo - com a emissão de mais de 700.980 Certified Emission Reductions (CER´s) até o ano de 2011, e com potencial de geração de mais 428.553 CER´s por ano; compensação de 100% das emissões diretas; implementação de programas de Eficiência Energética que levaram os clientes das distribuidoras do Grupo a evitar emissões e consumir energia elétrica de forma consciente; além do investimento em geração de energia a partir de fontes renováveis.

Tags: