PÁGINA INICIAL
CONHEÇA A RGE
SISTEMA DE GESTÃO AMBIENTAL
NOTÍCIAS
PRÊMIOS E RECONHECIMENTOS
FALE CONOSCO
CADASTRE-SE
IMPACTOS AMBIENTAIS DO SETOR ELÉTRICO
   Principais Impactos
   Ações para Redução dos Impactos
PROJETOS DE REPOSIÇÃO FLORESTAL
   Arborização Urbana
   Reflorestamento Convencional
   Campanha de Repovoamento da Araucária
   Campanha Plante Árvores Nobres
OUTRAS INICIATIVAS
   Arboreto Alto Uruguai
   Manual de Arborização Urbana
   Gerenciamento de Resíduos

 
Quando a RGE elabora projetos para construção de Linhas de Transmissão e Redes de Distribuição de Energia há grande preocupação para que sejam evitados danos à vegetação, ainda assim, devido às características destas obras é comum haver a necessidade de corte de árvores.

A legislação florestal do Estado estabelece que para cada corte de árvore nativa adulta devem ser plantadas 15 mudas de árvores nativas, são as chamadas "reposições florestais".

  Municípios onde a RGE realiza reflorestamentos:
Caxias do Sul
Entre-Ijuís
Passo Fundo
Três de Maio
Porto Lucena
Gravataí
São Francisco de Paula

Em função da execução de obras onde ocorreu a necessidade de corte de árvores a RGE realizou reflorestamentos em diversos municípios.

Município: Caxias do Sul
Número de mudas plantadas: 34.225

Espécies: Araçá amarelo, Farinha seca, Aroeira vermelha, Guajuvira, Cedro, Ipê branco, Angico vermelho, Bracatinga, Cocão, Pitanga, Açoita cavalo, Caroba e Mamica-de-cadela.

Ano de implantação: 2001

Importância: As mudas foram plantadas em áreas públicas controladas pelo SAMAE (Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto) de Caxias do Sul, estas áreas fazem parte da bacia de captação da Barragem do Faxinal.
O plantio contribui para a proteção do solo e com isto evita o carregamento de terra para dentro do reservatório através das chuvas.
O plantio também torna o ambiente mais favorável para a conservação e expansão da fauna local.

Município: Entre-Ijuís
Número de mudas plantadas: 3.300

Espécies: Ipê branco, Aroeira cinzenta, Aroeira piriquita, Timbaúva, Ingá feijão.

Ano de implantação: 2001

Importância: As mudas foram plantadas em área pública do Colégio Municipal de Ensino Fundamental Zeferino Antunes de Almeida, este colégio ensina técnicas agrícolas para os alunos.
O plantio foi realizado em área que apresenta degradação por processos erosivos e visa sua recuperação.

Município: Passo Fundo
Número de mudas plantadas: 800

Espécies: Araucaria, Guajuvira, Pitanga, Aroeira piriquita, Aroeira vermelha, Açoita cavalo, Chal-chal, Timbaúva, Ingá.

Ano de implantação: 2001 e 2002

Importância: As mudas foram plantadas em áreas públicas controladas pela CORSAN (Companhia Riograndense de Saneamento) de Passo Fundo, estas áreas fazem parte da bacia de captação da Barragem do Arroio Miranda.
Quando estiverem adultas as árvores contribuirão para a proteção do reservatório contra a entrada de terra.

Município: Três de Maio
Número de mudas plantadas: 21.500

Espécies: Cabreúva, Chá-de-bugre , Camboatã vermelho, Rabo-de-bugio, Açoita cavalo, Chal-chal, Canela-de-veado, Angico vermelho, Pitanga, Araticum, Guajuvira, Timbaúva, Cedro, Cerejeira, Camboatã branco, Ingazeiro, Aroeira preta, Guamirim, Figueira-do-mato, Guatambú, Canafístula.

Ano de implantação: 2001 e 2003

Importância: Os plantios foram realizados em diversas propriedades rurais, as mudas foram plantadas com o objetivo de enriquecer florestas degradadas e áreas com vegetação de porte arbustivo, elas contribuirão para a melhoria ambiental e acrescentarão valor às florestas.

Município: Porto Lucena
Número de mudas plantadas: 10.400

Espécies: Açoita cavalo, Angico vermelho, Pitanga, Guavirova, Grápia, Louro, Paineira, Canjerana, Timbó, Ipê roxo, Timbaúva, Cerejeira, Guatambu e Canafístula,

Ano de implantação: 2003 e 2004

Importância: As árvores foram plantadas em áreas degradadas existentes nas margens do Rio Uruguai. As árvores contribuirão para a recuperação da mata ciliar do Rio e beneficiarão a fauna pelo fato de que facilitarão sua circulação pelas margens, formando os chamados "corredores ecológicos".

Município: Gravataí
Número de mudas plantadas: 8.000

Espécies: Pitanga, Aroeira vermelha, Aroeira cinzenta, Erva mate, Chal-chal, Ingá macaco, Ingá verde, Caroba, Cedro, Guajuvira e Louro.

Ano de implantação: 2002

Importância: As mudas foram plantadas no interior da floresta degradada existente na margem do Rio Gravataí.
Parte da área é utilizada como balneário, as árvores plantadas contribuirão para a qualificação do local para uso pela comunidade.

Município: São Francisco de Paula
Número de mudas plantadas: 14.350

Espécies:
Araucária, Erva mate, Cedro, Ingá e Pessegueiro bravo.

Ano de implantação: 2002

Importância: As mudas foram plantadas em área que integra o Pró-mata, que é um centro de pesquisas e conservação da natureza vinculado a PUC - Pontifícia Universidade Católica.
As mudas foram plantadas em áreas cobertas com vegetação em porte arbustivo, tendo elas a finalidade da auxiliar no processo de recuperação da floresta nativa na área.
O desenvolvimento das mudas é acompanhado por pesquisadores e alunos da PUC.
No local ocorre grande perda de mudas em função da ação da fauna, especialmente roedores, para compensar estas perdas são realizados trabalhos para condução da regeneração natural de mudas.









 
 
Rio Grande Energia - Uma empresa do Grupo CPFL Energia  © CPFL Energia 2010. Todos os direitos reservados.